Confidencial
Subscrever Newsletter

 

Moçambique: Líder parlamentar da Renamo diz que Dhlakama está na Gorongosa | Jornal Digital
Lusofonia

Desaparecido desde 21 de Outubro

Moçambique: Líder parlamentar da Renamo diz que Dhlakama está na Gorongosa

2013-11-20 17:46:16

Maputo – A Chefe da bancada parlamentar da Renamo, o maior partido da oposição em Moçambique, desmentiu os rumores que dão conta que Afonso Dhlakama abandonou o país depois do bombardeamento da sua base em
Satunjira.

Maria Angelina Enoque disse, em entrevista à PNN, que Afonso Dhlakama está no país e no distrito da Gorongosa, na província de Sofala.

«O que eu sei é que ele está em Moçambique. Agora não me pergunte como é que sei. Eu não falo com ele porque não tenho como falar. Pelo que sei, ele não está fora do país. Está em Gorongosa. Onde, concretamente, não sei», disse a líder parlamentar da Renamo, contornando qualquer outra questão sobre o caso.

O líder do partido da oposição está desaparecido desde 21 de Outubro, quando as tropas governamentais assaltaram a sua residência em Satunjira, Gorongosa.

Esta quinta-feira, 21 de Novembro, completa-se um mês desde que Dhlakama está desaparecido. Os confrontos intensificaram-se e a cada dia que passa adicionam-se relatos de mortes, com mais incidência para as tropas governamentais.

Enquanto os confrontos continuavam, a Assembleia da República (AR) desenvolvia os seus trabalhos normalmente. A bancada parlamentar da Renamo reuniu-se, na semana passada, com a Presidente da AR para saber o que a instituição poderia fazer relativamente à situação.

«Pensamos nós que a Assembleia da República não pode continuar a assistir a mortes e à vandalização de bens».

A Presidente da AR terá pedido à Renamo para apresentar propostas de soluções para o impasse. Segundo a sua líder parlamentar, o partido informou a Presidente do Parlamento que a inclusão dos observadores nas negociações era uma das saídas para evitar os constantes impasses.

Segundo Maria Angelina Enoque, a Presidente disse que ouviu e que iria fazer tudo que estivesse ao seu alcance.

«Estamos numa guerra não declarada. Porque quando temos as forças armadas no terreno é mesmo uma situação de guerra. As mortes que temos vindo a assistir não se justificam», disse Maria Angelina Enoque.

Sobre as negociações políticas que têm decorrido, a Chefe da bancada da Renamo continua a dizer que «são necessárias negociações sérias».

«Nós queremos um diálogo de facto, e não aquele entretenimento a que temos vindo a assistir. Queremos que o diálogo produza resultados. Neste momento não estamos a ter um diálogo sério», referiu.

Segundo Maria Angelina Enoque, um diálogo sério com a inclusão de observadores vai «amainar a tensão e baixar esta situação de guerra».

(c) PNN Portuguese News Network

Partilhar
MAIS ARTIGOS...
  OMS cede Kits de protecção contra o ébola a São Tomé e Príncipe
  Cabo Verde: Proibida entrada de cidadãos provenientes de países afectados pelo ébola
  Guiné-Bissau: Ministro da Administração Interna exonera Comissário Provincial da POP
  São Tomé e Príncipe: PM adverte população para gravidade do Ébola no país
  Guiné-Bissau: Ex-ministro das Pescas desvia grupo gerador
  São Tomé e Príncipe tem um novo partido político
  Guiné-Bissau: Proibida aglomeração de pessoas nas cerimónias tradicionais
  Moçambique: Publicada Lei da Amnistia em Boletim da República
  Timor-Leste: Tribunal de Recurso considera inconstitucional a Lei da Imprensa
  São Tomé e Príncipe: Paralisação de polícias inviabiliza jogos da oitava jornada
  Guiné-Bissau: PM cumpre sexta-feira de vistas a instituições públicas
  Guiné-Bissau: Presidente da Câmara de Bissau desmente ministro das Obras Públicas

Comentários

Nome:

E-mail:

Comentário:


MultimÉdia
   
Mãe de jornalista decapitado na Síria faz apelo ao EI
   
Funeral de Emídio Rangel decorre esta sexta-feira
   
Senegal: Director de jornal detido por divulgar supostos casos de ébola
Cartoon
Jornal Digital | Notícias em Tempo Real | Desde 1998
Hospedagem de Sites Low Cost Cabinda Digital Luanda Digital Bissau Digital Jornal de São Tomé Timor Leste Cabo VerdeMaputo Digital
Notícias grátis no seu site Recrutamento Estatuto editorial Ficha técnica Contactos Publicidade Direitos autorais