Confidencial
Subscrever Newsletter

 

Guiné-Bissau: Carnaval termina sob protestos contra a organização das celebrações | Jornal Digital
Lusofonia

Concorrentes teceram críticas à Direção-geral de Cultura

Guiné-Bissau: Carnaval termina sob protestos contra a organização das celebrações

2013-02-13 16:52:20

Bissau – O Carnaval de 2013 terminou esta terça-feira, 12 de Fevereiro, sob fortes protestos por parte de vários grupos participantes na maior manifestação cultural da Guiné-Bissau.

Os concorrentes teceram críticas à Direcção-geral de Cultura, através do Secretariado Executivo do evento, pela forma como o concurso para atribuição de prémios foi organizado.

Uma destas vozes é o grupo de Bairro de Sintra, no Sector Autónomo de Bissau, que disse discordar do terceiro lugar que lhe foi atribuído. O primeiro e segundo lugares foram conferidos aos grupos «Netos de Bandim» e «Chão de Papel Varela», respectivamente.

Nestas celebrações de Carnaval houve classificados apenas ao nível regional. Não se realizaram classificações ao nível nacional para o primeiro, segundo e terceiro lugares, como era habitual.

Uma fonte do Secretariado Executivo do Carnaval de 2013 disse à PNN que o facto visa permitir que outros grupos sejam classificados como vencedores, tendo em conta que nos últimos anos o desafio tem sido ganho pelos grupos das regiões de Biombo, de Bolama, de Bijagós e de Cacheu. De acordo com a mesma fonte, esta situação permite uma maior variedade cultural das suas respectivas áreas.

Em termos de segurança, o Comissariado Nacional da Polícia de Ordem Pública guineense anunciou a detenção de 50 pessoas e um total de 80 casos registados durante os quatro dias da manifestação carnavalesca.

Segundo Bernardo Vilela João da Silva, Chefe de Operações da Polícia, os dados em causa referem apenas a cidade de Bissau, estando as regiões do interior do país sem nenhuma ocorrência registada.

Relativamente aos acidentes de viação, o Major da Polícia de Ordem Pública indicou 28 casos, um dos quais gerou uma vítima em estado grave.

Sumba Nansil

(c) PNN Portuguese News Network

Partilhar
MAIS ARTIGOS...
  Biague Na N´tan anuncia fim da «turbulência militar» na Guiné-Bissau
  Cabo Verde: ARE realiza consultoria sobre sistema de informação regulatória
  FAO: Brasil regista queda de 75% na extrema pobreza
  Cabo Verde: PR desperta para situações de pobreza extrema e miséria
  São Tomé e Príncipe: PR censura encerramento de fronteiras terrestres para combater ébola
  Guiné-Bissau: PR nomeia Biague Na N´tan Chefe de Estado-maior das Forças Armadas
  São Tomé e Príncipe: PR terminou visita à Guiné Equatorial
  Guiné-Bissau: Comunidade internacional aplaude exoneração de António Indjai
  São Tomé e Príncipe pede ajuda internacional para prevenir o ébola
  Guiné-Bissau: «Reclamar herança de Cabral significa responsabilidade de todos os guineenses»
  Guiné-Bissau: MAI devolve mais de 33 milhões de Francos ao Tesouro Público
  Guiné-Bissau: António Indjai exonerado pelo Presidente da República

Comentários

Nome:

E-mail:

Comentário:


MultimÉdia
   
Subscrição de TV integrada em pacote regista aumento
   
Morreu jornalista russo desaparecido na Ucrânia
   
Judite Sousa regressa à televisão com entrevista a Cristiano Ronaldo
Cartoon
Jornal Digital | Notícias em Tempo Real | Desde 1998
Hospedagem de Sites Low Cost Cabinda Digital Luanda Digital Bissau Digital Jornal de São Tomé Timor Leste Cabo VerdeMaputo Digital
Notícias grátis no seu site Recrutamento Estatuto editorial Ficha técnica Contactos Publicidade Direitos autorais