Confidencial
Subscrever Newsletter

 

Remédios que não precisam de receita perdem comparticipação do Estado | Jornal Digital
Economia

Utentes vão passar a pagar mais 37% por alguns dos remédios mais vendidos

Remédios que não precisam de receita perdem comparticipação do Estado

2011-01-05 10:10:40

Lisboa - Fármacos como o paracetamol, antiácidos ou antivirais para combater a gripe, que podem ser comprados nas farmácias sem receita médica, vão perder a comparticipação do Estado até Março deste ano.

A medida, já publicada em Diário da República, vem retirar a comparticipação do Estado aos medicamentos não sujeitos a receita médica. Esta medida integra-se no vasto plano de medidas contenção da despesa do Serviço Nacional da Saúde.

De acordo com dados do Infarmed, de um universo de 1.900 remédios que podem ser comprados sem receita médica, actualmente apenas 24 têm comparticipação e até Março passarão a ser descomparticipados.

Na lista dos remédios a descomparticipar figuram sete apresentações (cápsulas, supositórios, comprimidos) de paracetamol, substância usada para tratar constipações e estados febris, de anti-ácidos e de medicamentos antivirais para combater a gripe.

Assim os utentes vão passar a pagar estes remédios 37% mais caros, esta medida integra-se no vasto plano de medidas contenção da despesa do Serviço Nacional da Saúde.

(c) PNN Portuguese News Network

Partilhar
MAIS ARTIGOS...
  ASAE: 324 mil litros de vinho apreendidos na operação «Doce Cepa»
  Já se pode voar em low cost para os Açores
  Passos: Portugal pode tornar-se «uma das nações mais competitivas do mundo»
  Mudança na lei permite o pagamento de contas com o NIB de outra pessoa
  Deco: Deita-se ao lixo comida fora do prazo que ainda pode ser consumida
  Portugal tem os cofres cheios, diz a ministra das Finanças
  Director da Autoridade Tributária demite-se e nega lista VIP
  Taxa de emprego em Portugal teve a maior queda da UE
  Taxas moderadoras reintroduzem «no sistema de saúde certificados de pobreza»
  Sindicatos falam em cerca de 80% de adesão à greve
  Clientes lesados do BES invadem Novo Banco em Viseu
  Professores e funcionários não docentes aderem à greve da função pública

Comentários

Nome:

E-mail:

Comentário:


MultimÉdia
   
Madeira: 9 partidos e 3 coligações entregaram listas
   
Quase 70 jornalistas perderam a vida em 2014
   
Colunista do «The New York Times» faleceu na redacção do jornal
Cartoon
Jornal Digital | Notícias em Tempo Real | Desde 1998
www.LojaPecasAuto.pt
Hospedagem de Sites Low Cost Cabinda Digital Luanda Digital Bissau Digital Jornal de São Tomé Timor Leste Cabo VerdeMaputo Digital
Notícias grátis no seu site Recrutamento Estatuto editorial Ficha técnica Contactos Publicidade Direitos autorais